a palhaça o que é?

sobre a campanha

A Cacompanhia de artes cênicas tem o grande desejo de inscrever Stephane (Palhaca Pão Bolo) e Daniely (Palhaca Lola) ambas acadêmicas de Teatro na Universidade do Estado do Amazonas (UEA) na primeira e unica escola voltada para a palhacaria feminina no Brasil. O curso será realizado em Ribeirão Pires,interior de São Paulo. Precisamos da sua contribuição para arcar com os custos que somam em 5.800,00.

custos

2 Passagens Aéreas: MAO - SP - 1.000 (ida e volta)

2 Inscrições no Curso - R$ 1.900,00 | O curso oferece Hospedagem e alimentação no período de setes dias de imersão no  Sítio Cultural Alsácia.

TOTAL - R$ 5.800,00

sobre o curso

O Módulo I será realizado de 02 a 08 de março de 2019 em sistema de imersão, no Sítio Cultural Alsácia, localizado na cidade de Ribeirão Pires, estado de São Paulo.

Coordenação Pedagógica: Andréa Macera (Palhaça Mafalda Mafalda)
Realização: Teatro da Mafalda

Disciplinas e Professores – Módulo I - 2019:

Disciplina: Introdução a Palhaçaria Feminina – Palhaça..um lugar de onde se parte.
Professora: Andréa Macera

Atriz desde 1986, palhaça desde 1997 e diretora desde 1999. Desenvolveu grande parte de seus estudos junto ao Grupo Lume - núcleo interdisciplinar de pesquisas teatrais da UNICAMP - e com Sue Morrison, Mestra-Clown canadense. Fundadora e integrante do Teatro da Mafalda, no qual atua e produz. Idealizadora e realizadora do Encontro Internacional de Mulheres Palhaças e da Escola de Palhaças, em seu repertório artístico consta o espetáculo infantil “Tudo por um fio” (2005), com direção de Simone Grande; o solo “Sobre Tomates, Tamancos e Tesouras” (2009), com direção de Rhena de Faria; o número cênico “Eternamente Banha" (2012), com direção de Caco Mattos e o espetáculo “Cabaré da Mafalda” com direção de Eduardo Brasil e Ana Clara Amaral. Atua em parceria com o barracão teatro de campinas, desde 1999, nos espetáculos “A Julieta e o Romeu” e “Encruzilhados” e com o grupo seres de luz teatro, desde 2011, em “A-las-pipe-tuá”. Nos últimos onze anos tem voltado sua pesquisa para a elaboração artística a partir do improviso e da relação com o público.

 

Disciplina: Mito, riso e imaginação I
Professora: Wladia Beatriz

Psicóloga, psicoterapeuta clínica de inspiração arquetípica e Palhaça. Realiza seu oficio de psicoterapeuta em consultório particular, bem como oferece grupo de estudos em psicologia arquetípica e coordena oficinas de mitologia grega, em biblioteca pública e espaços culturais, na cidade de São Paulo. Com a Palhaça Maçaneta cultiva alma abrindo portas para dentro e para fora de si mesma.

 

Disciplina: Estudo de anatomia nas Artes Circenses
Professora: Lia Rossi

Doutora em ciências pela Santa Casa de São Paulo (2010) e Mestre em Ciências (Biologia Celular e Tecidual), pela Universidade de São Paulo (1997). Professora adjunto da Faculdade de Medicina de Jundiaí. Professora assistente da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Coordenadora da Liga Acadêmica “Sorrisoterapia” da Faculdade de Medicina de Jundiaí. Formação em Neurolinguística pelo INEXH. Proprietária do Negócio Social “Circo Viramundo”. Coordenadora do curso de anatomia aplicada as atividades circenses da Santa Casa de São Paulo.

 

Disciplina: Figurino I
Professora: Adelvane Néia

Atriz e Palhaça da Cia Humatriz Teatro. Formada em Artes Plásticas pela Fundação Miguel Mofarrej – Ourinhos/SP. Estudou no CPT da Fundação Teatro Guaíra em Curitiba/PR. Sua iniciação e estudos na palhaçaria aconteceu em 1989 com orientação de Luís Otávio Burnier- Lume Teatro, seguiu seus estudos com Ricardo Puccetti e Sue Morrisson (Canadá). A pesquisa na “Comicidade Feminina” teve início em 1997 quando da montagem de seu solo A-ma-la com a direção de Naomi Silman, desde então tem ministrado workshops, dirigido espetáculos e participado de discussões e festivais de palhaças no Brasil e no exterior. O interesse pelo figurino aconteceu desde a montagem de seu solo, depois seguiu fazendo para espetáculos de parceiros e grupos amigos como: Cia Paraládosanjos, Barracão Teatro, Lume Teatro, Grupo Matula, Na Cia dos Anjos, entre outros.

 

Disciplina: Corpo – Máscara
Professora: Elisa Rossin

Atriz, Mestre e Doutoranda em Artes Cênicas pela Universidade de São Paulo. 
Realizou estágio com a Companhia alemã Familie Flöz, em Berlim, no ano de 2008.
Em 2009 participou do seminário internacional e criação de máscara “Arte Della Marchera”, no Centro Mashere e Strutture Gestuali na Itália, com Donato Sartore.
Trabalha com a Cia do Quintal desde 2012.

 

Disciplina: Dramaturgia dos números clássicos aos contemporâneos – Análise e estudo de números
Professor: Caco Mattos

Ator, Palhaço e Diretor, formado pela Fundação das Artes de São Caetano do Sul e licenciado em Artes Cênicas pela Faculdade Paulista de Artes- FPA. Dentre seus principais trabalhos como ator/palhaço/performer: "Quer dançar comigo 1 minuto?” Satyrianas edição 2016/2017 e no Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso; “Tróilo e Créssida”, de William Shakespeare; “O amor das três laranjas ou kd-vc?”; “Dromática – comédia circense”, e “kd-eu?”; espetáculos dirigidos por Bete Dorgam; pílulas cômicas – palhaço em “ A vidente e tiro ao alvo e La musique”; “Fora do bumbo – O musical”, autoria e direção Cintia Alves - Melhor espetáculo na categoria Teatro Infantil vencedor do 16º. Cultura Inglesa Festival; “A desgraça adora companhia”, de Paulo Rogério Lopes, Direção Luís Damasceno. TV – programa direções – TV Cultura/SESC, Uma escada para a lua e Fellini sobre as águas, dirigidos por Bete Dorgam. Palhaço em “A vidente e fritz - o faquir” pílulas cômicas- les classiques, sesc bom retiro/2017; “la musique e a vidente” no cabaret´rans - III Encontro Internacional de Mulheres Palhaças/2017 e no II Encontro Internacional de mulheres Palhaças no Cabaret’rans 2016/sesc ipiranga; dirigiu e apresentou “Cabaret´rans” no I Encontro Internacional de Mulheres Palhaças - Centro Cultural da Penha/SP; dirigiu grupo de palhaços no Theatro Municipal de São Paulo, em comemoração ao dia do Palhaço /dezembro 2015; diretor “Eternamente Banha” com Andréa Macera (Palhaça Mafalda) e “A carta” adaptação do esquete de Karl Valentim. É um dos tradutores do livro “Entradas Clownescas: uma dramaturgia do Clown, de Tristan Rémy, publicado pelas edições SESC/SP em 2016. Em 2017 no projeto SESC dramaturgias/RN, ministrou a oficina a dramaturgia do Palhaço: dos números clássicos a criação de números contemporâneos, nas cidades de Natal, Caicó e Mossoró/SESC RN e oficinas práticas e teóricas no centro de pesquisa e formação-SESC/SP, SESC Consolação e Campo Limpo. No centro de qualificação circense em 2018, ministrou a oficina teórica: “Entradas Clownescas - da origem do clown à sua dramaturgia”. Curador do cabaré das pílulas cômicas – realizado no Teatro Cacilda Becker - Virada cultural de São Paulo edição 2018. Atualmente ministra a oficina “Entradas Cômicas – criação de números de Palhaços”, na oficina cultural Oswald de Andrade.

CONHEÇA A ESCOLA

© Cacompanhia de Artes Cênicas - Todos os direitos reservados